Fed Não Representa Ameaça para Ouro

Fed Não Representa Ameaça para Ouro

Alpari  | 17.10.2016 15:27

O Comitê de Mercado Aberto dos EUA (FOMC) publiou as atas de sua reunição na quarta-feira passada (12.10), a qual mostrou a discordância atual entre as autoridades do Fed sobre quando deverá ocorrer a elevação das taxas de juros no páis.

Os "doves", como sempre, se mostraram mais cautelosos: o índice de preços ao consumidor continua a ser inferior a 2%, e por enquano não se observa evidências de que o crescimento dos salários reaus influi sobre a pressão inflacionária.

Os argumentos a favor do aumento são aqueles de costume: a economia está crescendo de forma constante e há a necessidade de se agir para evitar a inflação. Alguns membros do FOMC também estavam preocupados que o atraso poderia reduzir a credibilidade do Fed.

Todavia, entendemos que o medo não corresponder às expectativas do mercado é o principal argumento a favor de um aumento das taxas em dezembro, como foi no ano passado. Este aumento poderá diminuir posteriormente durante uma recessão.

O Fed espera que a aceleração do crescimento do PIB no segundo semestre do ano, mesmo que houver um declínio na avaliação da capacidade de crescimento econômico a médio e longo prazo. No início deste mês, o FMI avaliou em queda brusca as perspectivas em termos de crescimento da economia dos EUA de 2,2% para 1,6%, nível este abaixo da projeção de 1,9% dos representantes do FOMC. O crescimento real do PIB norte-americano em primeiro e segundo trimestres foi de 1,1% e 1,4%, respectivamente.

Agora, o traders questionam se o Fed irá aumentar as taxas se as expectativas de crescimento não forem cumpridas. Cremos que muito provavelmente, sim. As expectativas estão demasiadamente elevadas.

Todavia, entendemos que a principal questão é se, em seguida, eles teriam como reduzir como fez a Nova Zelândia. O Banco da Reserva da Nova Zelândia tornou-se o primeiro regulador que elevou os juros desde a crise financeira de 2008. O lento crescimento econômico, juntamente com inflação baixa, forçaram o regulador a tomar uma política monetária no sentido totalmente oposto. 1

Após a crise de 2008, muitos países não conseguiram manter a inflação para níveis pré-crise, enquanto no Japão e na Europa ainda é observado processos de deflação. O aumento descontrolado da oferta de moedas, ao invés de inflação real, levou à formação de elevações inflacionárias ocultas, gerando bolhas financeiras nos mercados de títulos e ações. As políticas monetárias mais restritivas deverão exercer pressão sobre essas bolhas. A partir do gráfico acima, compreende-se que o mercado de ações e de ouro muitas vezes movimentam-se em direções diferentes: o ouro realmente desempenha um papel de ativo de proteção diante do declínio dos índices acionários.

Logo, logo, a economia norte-americana irá reduzir o ritmo de crescimento a ponto do Fed propor novamente a imprensão de dinheiro para lidar com a estagflação. A inflação alta, acompanhada de recessão econômica, aliada a taxa de juros negativas irá criar o ambiente mais favorável para o crescimento do ouro. O gráfico abaixo traça a correlação negativa entre as taxas de juros reais e os preços do ouro. Ao longo da amostragem histórica, desde 1970 o declínio nas taxas de juros reais foi acompanhado pelo aumento dos preços de ouro.
2

O ouro continuará a crescer não importanto se o Fed irá elevar as taxas em dezembro ou não. A questão mais intrigante agora é quão profunda a recessão será.

Alpari

Últimos comentários

Adicione um comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

A realização de transações com instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve altos riscos, incluindo o risco de perda de uma parte ou da totalidade do valor do investimento, e pode não ser adequada para todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos tais como eventos financeiros, regulamentares ou políticos. A realização de transações com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir realizar transações com instrumentos financeiros ou criptomoedas, deve informar-se sobre os riscos e custos associados à realização de transações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente os seus objetivos de investimento, nível de experiência e nível de risco aceitável, e procurar aconselhamento profissional quando este é necessário.
A Fusion Media gostaria de recordar os seus utilizadores de que os dados contidos neste website não são necessariamente fornecidos em tempo real ou exatos. Os dados e preços apresentados neste website não são necessariamente fornecidos por quaisquer mercados ou bolsas de valores, mas podem ser fornecidos por formadores de mercados. Como tal, os preços podem não ser exatos e podem ser diferentes dos preços efetivos em determinados mercados, o que significa que os preços são indicativos e inapropriados para a realização de transações nos mercados. A Fusion Media e qualquer fornecedor dos dados contidos neste website não aceitam a imputação de responsabilidade por quaisquer perdas ou danos resultantes das transações realizadas pelos seus utilizadores, ou pela confiança que os seus utilizadores depositam nas informações contidas neste website.
É proibido usar, armazenar, reproduzir, mostrar, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste website sem a autorização prévia e explicitamente concedida por escrito pela Fusion Media e/ou pelo fornecedor de dados. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados pelos fornecedores e/ou pela bolsa de valores responsável pelo fornecimento dos dados contidos neste website.
A Fusion Media pode ser indemnizada pelos anunciantes publicitários apresentados neste website, com base na interação dos seus utilizadores com os anúncios publicitários ou com os anunciantes publicitários.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Polski Português (Brasil) Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
A guardar as alterações

+

Descarregue a Aplicação Investing.com

Obtenha acesso gratuito a cotações e gráficos em tempo real, bem como a alertas sobre ações, índices, moedas, commodities e obrigações. Obtenha acesso gratuito às melhores análises técnicas e previsões.

Investing.com é melhor na Aplicação!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência mais fluida disponíveis apenas na Aplicação.