BOVESPA-Índice sobe com investidor de olho em pacote trilionário de estímulo nos EUA

BOVESPA-Índice sobe com investidor de olho em pacote trilionário de estímulo nos EUA

Reuters  | 14.01.2021 15:30

BOVESPA-Índice sobe com investidor de olho em pacote trilionário de estímulo nos EUA

Por Aluisio Alves

SÃO PAULO, 14 Jan (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista subia nesta quinta-feira, dando sequência ao movimento pendular desta semana, com a ponta compradora de ações voltando a predominar, refletindo o otimismo com possível anúncio de novas medidas de estímulo econômico nos Estados Unidos.

Às 12h24, o Ibovespa .BVSP anotava valorização de 1%, aos 123.151,77 pontos. O giro financeiro da sessão era de 9,5 bilhões de reais.

Em relatórios a clientes, bancos e gestoras de recursos apontaram tendência majoritária positiva para a sessão, diante da expectativa de que o presidente eleito dos EUA, Joe Biden, anuncie um novo pacote fiscal na ordem de 2 trilhões de dólares para dar suporte à economia afetada pela Covid-19.

Nas bolsas de Nova York, o índice Dow Jones .DJI atingiu nova máxima histórica intradia.

"A expectativa por estímulos nos EUA traz alívio aos mercados globais nesta quinta-feira", resumiu a equipe de pesquisa econômica do Bradesco (SA:BBDC4).

No entanto, os mesmos relatórios alertam que novas restrições para tentar conter o avanço da pandemia pelo mundo e ruídos na política dos EUA, com a sequência do processo de impeachment do presidente Donald Trump, e no Brasil, com a possível demissão do presidente do BB, turvam o cenário.

DESTAQUES

- BANCO DO BRASIL BBAS3.SA subia 1,3%. O presidente Jair Bolsonaro silenciou nesta quinta-feira sobre a possível demissão do presidente-executivo do banco, André Brandão. O BB declarou pela manhã não ter recebido qualquer comunicação oficial do acionista controlador sobre suposta demissão. Na véspera, a ação já tinha caído 4,94% em meio a notícias sobre o assunto. PETROBRAS PETR4.SA subia 0,8%, apesar da queda nos preços internacionais do petróleo.

- VALE VALE3.SA tinha valorização de 1,15%, voltando à rota positiva, após ter sido atingida por realização de lucros nas últimas sessões. O movimento era seguido por siderúrgicas, com USIMINAS USIM5.SA crescendo 1,55% e CSN CSNA3.SA com incremento de 2,4%.

- CYRELA CYRE3.SA crescia 3,9%, com o setor imobiliário sendo destaque positivo na sessão, à medida que empresas do setor começavam a divulgar seus dados operacionais do quarto trimestre. MRV MRVE3.SA era apreciada em 3,1%.

- EMBRAER EMBR3.SA subia 8,6%, liderando ganhos do setor de aviação e turismo. GOL GOLL4.SA avançava 4,45%, AZUL AZUL4.SA tinha alta de 6,9% e CVC CVCB3.SA era valorizada em 6%.

Para ver as maiores baixas do Ibovespa, clique em .PL.BVSP

Para ver as maiores altas do Ibovespa, clique em .PG.BVSP

(Edição Alberto Alerigi Jr.)

Últimos comentários

Adicione um comentário
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Discussão
Escrever uma resposta...
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.

A realização de transações com instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve altos riscos, incluindo o risco de perda de uma parte ou da totalidade do valor do investimento, e pode não ser adequada para todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos tais como eventos financeiros, regulamentares ou políticos. A realização de transações com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir realizar transações com instrumentos financeiros ou criptomoedas, deve informar-se sobre os riscos e custos associados à realização de transações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente os seus objetivos de investimento, nível de experiência e nível de risco aceitável, e procurar aconselhamento profissional quando este é necessário.
A Fusion Media gostaria de recordar os seus utilizadores de que os dados contidos neste website não são necessariamente fornecidos em tempo real ou exatos. Os dados e preços apresentados neste website não são necessariamente fornecidos por quaisquer mercados ou bolsas de valores, mas podem ser fornecidos por formadores de mercados. Como tal, os preços podem não ser exatos e podem ser diferentes dos preços efetivos em determinados mercados, o que significa que os preços são indicativos e inapropriados para a realização de transações nos mercados. A Fusion Media e qualquer fornecedor dos dados contidos neste website não aceitam a imputação de responsabilidade por quaisquer perdas ou danos resultantes das transações realizadas pelos seus utilizadores, ou pela confiança que os seus utilizadores depositam nas informações contidas neste website.
É proibido usar, armazenar, reproduzir, mostrar, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste website sem a autorização prévia e explicitamente concedida por escrito pela Fusion Media e/ou pelo fornecedor de dados. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados pelos fornecedores e/ou pela bolsa de valores responsável pelo fornecimento dos dados contidos neste website.
A Fusion Media pode ser indemnizada pelos anunciantes publicitários apresentados neste website, com base na interação dos seus utilizadores com os anúncios publicitários ou com os anunciantes publicitários.

English (USA) English (UK) English (India) English (Canada) English (Australia) English (South Africa) English (Philippines) English (Nigeria) Deutsch Español (España) Español (México) Français Italiano Nederlands Polski Português (Brasil) Русский Türkçe ‏العربية‏ Ελληνικά Svenska Suomi עברית 日本語 한국어 简体中文 繁體中文 Bahasa Indonesia Bahasa Melayu ไทย Tiếng Việt हिंदी
Sair
Tem certeza de que deseja sair?
NãoSim
CancelarSim
A guardar as alterações

+

Descarregue a Aplicação Investing.com

Obtenha acesso gratuito a cotações e gráficos em tempo real, bem como a alertas sobre ações, índices, moedas, commodities e obrigações. Obtenha acesso gratuito às melhores análises técnicas e previsões.

Investing.com é melhor na Aplicação!

Mais conteúdo, cotações e gráficos mais rápidos e uma experiência mais fluida disponíveis apenas na Aplicação.